0

Eu citei esse filme quando escrevi sobre “Finamente 18”, usando ele como um exemplo de filme com temática adolescentes, onde as piadas, que são sempre sobre sexo ou bebidas, funcionam sempre. Superbad é uma comédia de 2007, dirigida por Greg Mottola, escrita pela dupla Seth Rogen e Evan Goldberg e produzida por Judd Apatow (o responsável por algumas das melhores comédias que eu já vi), é um exemplo de como personagens caricatos e muito engraçados, diálogos geniais e uma pitada de drama podem estar presentes em um mesmo filme de maneira inteligente e divertida.

A história segue Seth e Evan, dois amigos nerds que vão para faculdades diferentes, que junto com Fogell precisam comprar bebidas para uma festa onde estarão as garotas que eles gostam. A história faz com que uma simples compra de bebidas se torne uma aventura imprevisível. O filme fica ainda melhor, quando entram em cena dois policiais idiotas e politicamente incorretos.

O roteiro, que nasceu de uma idéia que Seth e Evan tiveram aos treze anos, é a melhor coisa dos filme. As situações vividas pelos protagonistas são peculiares, os diálogos são engraçados e tudo no filme funciona. Quase como se fosse mágica. Destaque para o diálogo onde Fogell explica o porque do nome McLovin na sua identidade falsa e para a cena onde Seth imagina o que poderia acontecer se ele roubasse a loja de bebidas.

A direção de Greg Mottola também é um ponto positivo do filme. Suas opções estéticas caem como uma luva nas cenas mais movimentadas. Seu estilo de direção é parecido com o do produtor Judd Apatow e por isso, em alguns momentos, o filme parece ser uma versão adolescente dos filmes de Apatow.

O elenco parece ter sido escolhido a dedo. Todos eles estão perfeitos nos seus personagens, incluindo o novato (naquela época) Christopher Mintz-Plasse. O restante do elenco faz parte de uma “gangue” que sempre faz parte dos filmes de Apatow, sendo eles Jonah Hill, Seth Rogen, Bill Hader e Michael Cera. Outros novatos, como a linda Emma Stone, também fazem parte do ótimo elenco.

Eu não consigo falar muito de Superbad, um dos filmes de comédia que eu mais gosto. Só sei que é um filme extremamente engraçado e até emocionante que retrata brilhantemente uma fase da juventude que todas as pessoas já passaram ou ainda passarão. Vale a pena!!!

Flavio Pizzol
Nascido em uma galáxia muito distante, sou o construtor original dessa nave. Aquele que chegou aqui quando tudo era mato. Além disso, nas horas vagas, publicitário, crítico de cinema, aprendiz de escritor e músico de fundo de quintal. PS: Não sabe trocar a sua imagem do perfil...

Fuga do Planeta Terra

Previous article

Se Beber, Não Case – Parte III

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Filmes