0

Seaspiracy: Mar Vermelho promete descobrir a “guerra” no oceano em novo documentário da Netflix.

O produtor executivo do documentário, Kip Andersen, diz que a produção vai revelar a peça mais importante que faltava no quebra-cabeça ambiental.


Um novo documentário com dos mesmos criadores de Cowspiracy está chegando na Netflix.

Dessa vez, Seaspiracy: Mar Vermelho lança uma luz sobre a guerra velada que é travada todos os dias nos oceanos do Planeta Terra. Veja tudo o que você precisa saber sobre o filme documentário que desembarca no serviço de streaming em março de 2021.

seaspiracy mar vermelho é o documentário denúncia que estreia na Netflix

Foto: Divulgação Netflix

Qual a história por trás de Seaspiracy: Mar Vermelho na Netflix?

O documentário, de acordo com o próprio serviço de streaming, vai investigar os impactos ambientais da indústria pesqueira e sua influência sobre a vida marinha no planeta.

“Que, se preocupa com o oceano e seu futuro, deveria assistir esse filme” Disse Kip Andersen, produtor e idealizador de Seaspiracy: Mar Vermelho.

“Ele é a peça que faltava desse importante quebra-cabeça ambiental.

Em Seaspiracy: Mar Vermelho, a equipe que trabalhou no documentário subestimou o que estava prestes a descobrir, acrescenta o diretor Ali Tabrizi. Segundo ele, o que tornou as coisas ainda mais chocantes foi o fato dos governos e grupos ambientalistas serem cúmplices e lucrarem em cima da morte (dos oceanos).

O documentário mostra que as taxas de destruição desse ambiente está ultrapassando todos os níveis vistos até hoje e que nada é capaz de frear a exploração ilegal pesqueira.

“Devemos nos envolver com urgência. Isso é para proteger o habitat mais incrível da Terra”, completa.


+++ Navillera: Conheça a série coreana que estreia na Netflix

+++ Quem Matou Sara? Série mexicana da Netflix vai te impressionar


Trailer

Sinopse oficial

O documentário, produzido por um dos cocriadores do revolucionário “Cowspiracy: O segredo da sustentabilidade“, revela algumas verdades alarmantes e pouco conhecidas sobre o impacto da presença humana no ecossistema marinho.

O plano do cineasta Ali Tabrizi era celebrar os oceanos, mas o projeto rapidamente se transformou em uma análise dos danos que a população humana vem causando ao ecossistema marinho e, por extensão, ao planeta inteiro: o descarte de plásticos e de equipamentos de pesca que poluem as águas, os danos irreparáveis de técnicas como a pesca acidental e a pesca de arrasto e, por último, os perigos da pesca ilegal e outras práticas de caça.

“Seaspiracy: Mar Vermelho” não é um documentário que apenas questiona algumas noções já estabelecidas, como a pesca sustentável; é um alerta para todos aqueles que se importam com a vida marinha e com o futuro do nosso planeta.

Foto: Divulgação Netflix

Os problemas da pesca excessiva nos oceanos

Tabrizi entrevista várias pessoas ao longo do documentário e algumas delas revelam coisas bastante contundentes sobre a indústria pesqueira.

“Estamos literalmente em guerra com os oceanos e, se vencermos, vamos perder tudo, porque a humanidade não consegue viver nesse planeta com um mar morto” disse um dos entrevistados.

O impacto da pesca excessiva é bastante amplo, já que quase todos os ecossistemas do mundo estão sendo afetados pelos hábitos atuais da pecuária e, à medida que o problema piora, todos os aspectos da vida como conhecemos serão afetados em uma escala maior ou menor.

Seaspiracy: Mar Vermelho mostra que a indústria não afeta apenas os oceanos, mas também é responsável por dezenas de milhares de mortes diariamente com as práticas atuais.

Em sua conta oficial do Instagram, Seaspiracy diz que o documentário visa “transformar radicalmente a maneira como pensamos e agimos na conservação dos oceanos para sempre. É hora de concentrarmos nossas preocupações ecológicas e éticas em nossos mares e todos os seres vivos que habitam neles”.

Foto: Reprodução

Sucesso documentado

O sucesso de Cowspiracy na Netflix foi muito amplo. A produção foi defendida como uma forma de incentivar as pessoas ao redor do mundo a diminuírem o consumo de carne ou até mesmo se tornarem vegetarianas.

Diversas celebridades e defensores do mundo animal se manifestaram com relação ao documentário, como Leonardo DiCaprio, Russel Brand e Paul Wesley.

Esse sucesso estimulou a criação de What the Health, um outro documentário que visa investigar as implicações dos produtos de origem animal para a saúde e também deu gás para que Seaspiracy: Mar Vermelho viesse à vida.

Foto: Divulgação Netflixse

Quando Seaspiracy: Mar Vermelho será lançado?

Seaspiracy: Mar Vermelho, como dito, é dirigido por Ali Tabrizi e desembarcou na Netflix dia 24 de março de 2021.

Dentro de um nicho que encontra os fãs de documentários com ambientalistas e simpatizantes, a produção é uma pedida excelente para reflexão e indignação.

A pesca excessiva tem sido assunto em diversos produtos, em vários meios de mídia, já que isso implica diretamente na alimentação das pessoas, seja daquelas que costumam comer peixes casualmente, ou apreciam cardápios de restaurantes com salmões, lagostas e camarões.

Mas qual a origem disso tudo? Como que chegam nos pratos das pessoas? Seaspiracy: Mar Vermelho em uma hora e meia vai mostrar cada detalhe dessa indústria que movimenta mais de U$10 bilhões todos os anos.

Seaspiracy: Mar Vermelho está disponível na Netflix

Comments

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Filmes