AODISSEIA
NEWS

Rodrigo Teixeira é Brasil no Oscar 2018

Carioca, erradicado em São Paulo concorre pela primeira vez na Academia

24 de Janeiro de 2018 - 09:11 - felipehoffmann

Você pode não ter ouvido falar muito dele, mas suas mãos estiveram envolvidas em projetos como The Witch, Frances Ha, Tim Maia e Heleno. Trata-se de Rodrigo Teixeira, produtor brasileiro que vem fazendo sucesso em Hollywood e é uma das grandes chances brasileiras de ganhar uma estatueta.

Rodrigo é produtor do aclamado longa Me Chame Pelo Seu Nome, indicado à categoria graúda de Melhor Filme do ano. Call Me by Your Name, em inglês, tem direção do italiano Luca Guadagnino e também concorre a outras três estatuetas: Melhor Ator, Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Canção Original. O longa é uma coprodução entre França, Itália, Brasil e Estados Unidos.

A trama conta a história de um amor de juventude entre um europeu chamado Elio e o americano Oliver que passam a conviver durante a estadia de um na casa do outro. A partir daí, começa a florescer uma paixão incandescente, tendo como plano de fundo as belas paisagens interioranas da Itália.

 

 

Aos 41 anos o produtor ainda vive em São Paulo, dividindo espaço entre a padoca do centro e os futuros livros que podem virar um filme. O grande trunfo de Rodrigo Teixeira é saber fazer muito com pouco, como todo brasileiro raiz. Em 2006, o produtor lançava Cheiro do Ralo, longa protagonizado por Selton Melo. O filme teve um orçamento de R$300 mil e faturou R$1,5 milhão em bilheteria.

Depois da façanha, Rodrigo pegou suas trouxas e mirou o mercado hollywoodiano. Por lá conheceu gente importante no cinema, tendo como um grande admirador Martin Scorcese, o cara de Taxi Driver, Touro Indomável e Os Infiltrados. Scorcese assistiu Frances Ha, uma comédia parisiense em preto e branco que rendeu indicação ao Globo de Ouro para Greta Gerwing como Melhor Atriz de Comédia ou Musical.

O próximo longa de Rodrigo vai se chamar Ad Astra com direção de James Gray e Brad Pitt e Tommy Lee Jones no elenco.

Além e Teixeira, Carlos Saldanha é outro brasileiro nesta edição do Oscar. O diretor carioca é responsável por Touro Ferdinando, que concorre como melhor animação. Saldanha é velho conhecido da academia e já dirigiu excelentes animações como Rio e a franquia d’A Era do Gelo.

A premiação do Oscar 2018 acontece dia 04 de março.