curtas documentais
0

Conhecidas como as categorias onde vamos fazer uma pipoca ou ir ao banheiro, os Curtas-Metragens do Oscar, sejam os live-actions, os animados, ou os curtas documentais, estão sendo valorizados a cada dia, começando pela disponibilidade. A maioria dos 15 indicados, nas três categorias do Oscar desse ano, já estão disponíveis online (ou por outros meios, se é que me entendem).

Continuando nossas listas, vamos analisar os indicados a melhor curta documentário, e é impressionante como todos, sem exceção, tem uma qualidade absurda e muitas vezes por simples preconceito ou preguiça, não buscamos prestigiar estas obras.

Segue a lista dos cinco indicados, do primeiro ao último em ordem de preferência:


5º) Walk Run Cha-Cha

Talvez o curta mais bobinho dos selecionados, Walk Run Cha-Cha até tem uma história fofa. No filme, Chipaul e Millie Cao perderam a juventude para a Guerra do Vietnã. Quarenta anos depois, eles se tornaram profissionais de sucesso no sul da Califórnia e estão se redescobrindo na pista de dança. Dirigido pela documentarista Laura Nix e produzido pelo The New York Times, o curta trabalha superação de traumas e a busca pelo sonho americano.

 

4º) In The Absense

Uma história de negligência que causa revolta, In The Absence foi lançado primeiro no Festival de Nova York de 2018. Dirigido pelo sul-coreano Seung-jun Yi, o documentário fala sobre o naufrágio de uma balsa na Coréia do Sul que terminou por matar centenas de vidas – incluindo crianças – por conta da falta de agilidade da primeira resposta do socorro ao acidente. Com quase 30 minutos de duração, o documentário sem dúvida conta com imagens fortes de abandono.

 

3º) St. Louis Superman

curtas documentais

Após ter estrado no Festival de Cinema de Tribeca de 2019, St. Louis Superman foi comprado pela MTV e se tornou um dos mais fortes concorrentes na busca do Oscar. Com 28 minutos e dirigido por Smriti MundhraSami Khan, o curta narra a vida de Bruce Franks Jr., um rapper de 34 anos, ativista de Ferguson e representante do estado de St. Louis, Missouri. Conhecido como Superman pelos seus eleitores, ele é uma figura política que você nunca viu – cheia de contradições e insights profundos, que superou uma perda indescritível e se tornou um dos mais empolgantes jovens líderes do país.

 

2º) Life Overtakes Me

Mais um dos curtas documentais produzido pela Netflix, “A Vida em Mim” é uma daqueles histórias que gera empatia imediata e certa curiosidade. Co-produção entre Suécia e Estados Unidos, o curta dirigido por John Haptas e Kristine Samuelson fala sobre milhares de crianças refugiadas, cujo trauma as leva a adquirir uma síndrome capaz de induzi-las ao coma. Você pode conferir o documentário na íntegra aqui.

 

1º) Learning to Skateboard In a Warzone (If You’re A Girl)

curtas documentais

O grande favorito ao Oscar tem o melhor título de todos, Learning to Skateboard In a Warzone (If You’re Girl), algo como “Aprendendo a Andar de Skate em uma Zona de Guerra (Se Você For Uma Garota)”. Dirigido por Carol Dysinger e tendo mulheres na maioria de sua produção, o curta narra a história de jovens afegãs aprendendo a ler, escrever e andar de skate em Cabul. Enfrentando as tradições e o perigo da zona de guerra, as garotas aprendem durante 39 minutos o valor do esporte e de suas vidas.

Aves de Rapina: Emancipação cheia de diversão e sororidade

Previous article

Histórico! Parasita é o grande vencedor do Oscar 2020!

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Especial