0

O filme coreano O Túnel é um drama tenso de sobrevivência e claustrofobia

O Túnel é um daqueles filmes de desastres extremamente tensos e envolventes, mas também tem sua parcela provocativa, enquanto equipes de resgate, políticos e jornalistas discutem diversas situações sobre como desenterrar um homem preso dentro de um túnel desabado.

O filme, lançado em 2016, fez um relativo sucesso nos cinemas da Coreia do Sul e agora chega ao Brasil nas mãos da Globo, que exibiu o filme na Tela Quente do dia 27 de julho de 2020.

Roteirizado e dirigido pelo excelente diretor Kim Seong-hun, de Um Dia Difícil, O Túnel se mostra um drama completamente envolvente, com um humor bem improvável e sombrio, além de ácidas críticas sociais.

conheça O Túnel filme coreano de suspense

+++ Conheça Evereste, o filme que conta a história real de um desabamento na montanha mais alta do mundo
+++ Homens de Coragem e Josh Brolin em mais uma história de desastre baseada em fatos reais 

Mas afinal, qual a história do filme O Túnel?

A premissa do filme sul coreano O Túnel até que é bem simples. Ha Jung-Ho interpreta Lee Jung-soo, um vendedor de carros e homem de família comum, que está voltando para casa após sua jornada de trabalho, com um bolo para comemorar o aniversário de sua filha.  Ao passar por um túnel da região, acontece um deslizamento de terra e acaba deixando o motorista preso dentro do local, pedindo ajuda por resgate.

Do lado de fora do acidente, está a esposa de Lee, Se-hyun, vivida por Bae Doona, que tenta manter as esperanças na vida quando uma força tarefa do governo, liderada por Kim Dae-kyung, vivida por Oh Dal-su, tenta achar soluções para escavar O Túnel antes que seja tarde demais.

Com apenas um celular com meia bateria, o rádio do carro, duas garrafinhas de água e um bolo de aniversário, Lee descobre várias implicações no resgate, e se vê na obrigação de racionar o que pode pois corre o risco de ficar semanas agarrado dentro do túnel.

O Túnel é baseado em uma história real?

Muita gente questionou o fato por conta da veracidade dos fatos e da proximidade com a história, mas não, O Túnel não é baseado em fatos reais. Na verdade ele é um filme coreano completamente original, escrito e dirigido por Kin Seong-hun.

Aqui, o diretor brinca com os planos de dentro e fora do túnel, mantendo um suspense intrigante e criando intimidade com o personagem principal. O foco de O Túnel funciona muito bem pois escolhe mostrar um cara comum tentando passar por uma situação completamente adversa. Por isso essa aproximação com os fatos narrados.

As divergências políticas acrescentam um realce ainda maior em tudo que está acontecendo ali, o que mantém a história focada em um assunto e se sustenta durante todo o tempo do filme.

Vale a pena assistir O Túnel?

Como obra de outro país, que vem numa maravilhosa crescente de produções, vale muito a pena assistir o filme coreano o Túnel. O longa cria uma angustiante experiência claustrofóbica e realmente captura as emoções dos personagens durante as duas horas de filme.

A mescla entre o cômico, o sádico e o factível se misturam e deixam o suspense ainda mais interessante de assistir.

Pra quem curtiu o filme na Tela Quente, é possível aluga-lo tanto no Google Play quanto no Youtube Play por R$3,90.


Gostou desse conteúdo? Então nos ajude a manter o site vivo entrando para o Odisseia Club. Seja um apoiador da Odisseia e acompanhe tudo sobre filmes, séries, games, músicas e muito mais.

Good Girls | Detalhes da 4ª temporada da série na Netflix

Previous article

EU NÃO ACREDITO EM NADA 023 | PREMONIÇÃO (20 ANOS)

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Filmes