0

Já tinha tempo que eu via Mistborn ser considerado uma das melhores fantasias atuais, além do autor Brandon Sanderson ser muito bem falado. Fiz mais ou menos aquele mesmo esquema de Hex, onde li várias resenhas, comprei os livros, esqueci sobre o que é e fui me surpreendendo com cada informação que tinha.

      • Título: Mistborn Livro 1: O Império Final
      • Autor: Brandon Sanderson
      • Ano de publicação: 2006
      • Edição2013
      • Editora: Leya
      • Páginas: 607
      • Gênero: Fantasia adulta

Como é o mundo fantástico de Mistborn

Mistborn apresenta um mundo fantasioso onde existem pessoas com a habilidade de extrair poderes especiais de certos metais. Somos apresentados à 8 metais, e ao poder específico que cada um dá para a pessoa que nasceu com a habilidade de utilizar esse poder, dando habilidade de saltar, se mover muito rápido, abrandar os sentimentos das pessoas, dentre outras.

Também vemos que, nesse mundo fantasioso, há mais de mil anos o poder está nas mãos de um homem conhecido apenas como o Senhor Soberano. Esse tal Senhor Soberano é considerado um Deus, adorado pela população e instaurou uma forma de governo extremamente autoritária, chamada de Império Final. Nesse governo, a pequena população nobre explora uma grande maioria, que são chamados de skaa, praticamente como escravos.

“O Senhor Soberano é a Centelha do Infinito. É um pedaço do próprio Deus. Você não pode matá-lo.”

Desde que o Senhor Soberano assumiu o poder, o mundo descrito em Mistborn mudou. Apenas em livros antigos existe uma descrição de um mundo em que o céu era azul, o sol brilhava, e as folhas das árvores e plantas eram verdes. O mundo agora é completamente cinza, aliás, cinzas caem do céu como chuva e neve, e à noite o mundo é tomado por brumas, que escondem estranhas criaturas.

No Império Final de Mistborn, o Senhor Soberano deu esses poderes de utilizar metais para a nobreza. Mas esse poder não é distribuído igualmente entre nobres. Todos têm a capacidade de nascer com poderes, mas nem todos os tem. A maioria das pessoas nascem sem poder, outras nascem com habilidades para usar apenas um metal e poucos nascem com capacidade para usar todos os metais. Estes últimos são chamados de Nascidos da Bruma (Mistborn em inglês).

“De acordo com a doutrina do Ministério – os nascidos das brumas são descendentes do único homem que se manteve fiel ao Senhor Soberano nos dias que antecederam a Ascensão.”

Para que os skaa não possam nunca ter acesso a esses poderes, o Senhor Soberano estabeleceu, dentro de sua religião e governo, pessoas para fiscalizar se, quando homens nobres estupram as mulheres skaa, eles se certificam de matá-las depois, assim elas não terão nenhum filho, não arriscando a ter pessoas da população com poder. Porém, mesmo com essa fiscalização, algumas mulheres conseguem escapar.

“ Não tinham queixa. Não tinham esperança. Mal ousavam pensar. É assim que deveria ser, pois eram skaa.”

mistborn capa o império final brandon sanderson

+++ Cujo é um drama familiar feito por Stephen King
+++ Despossuídos: Livro é uma reflexão sobre anarquia

Qual é o enredo de Mistborn

Mistborn começa com a história de uma gangue de skaas, que vivem na capital, e são contratados para causar uma revolução. O líder da gangue, Kelsier, apesar de ser um skaa, é bastardo de um nobre, e um Nascido das Brumas. Ele e sua gangue encontram Vin, uma menina de 16 anos que não sabia, mas também é uma Nascida das Brumas.

Kelsier então convoca Vin para se juntar a sua gangue e dar início ao plano de revolução dos skaa. Porém também pretende encontrar uma maneira de eliminar o Senhor Soberano e tentar, com isso, instaurar um novo governo.

“No que dizia respeito a Kelsier, qualquer homem que apoiasse o Império Final perdia o direito à vida.”

A leitura de mistborn vale a pena?

A partir daí, toda informação sobre Mistborn pode ser considerada um spoiler. Esse é um livro que tem duas características comuns que vemos na ficção: a jornada do herói e estória de roubo. Apesar de não ser exatamente um roubo o que vai acontecer, temos ainda as características de uma gangue, um plano, um objetivo traçado e todo seu desenvolvimento.

Ao longo da leitura de Mistborn, somos apresentados aos diversos membros da gangue de Kelsier, cada um com suas habilidades e histórias pessoais de exploração do governo do Senhor Soberano, mostrando em vários aspectos como aquela sociedade funciona e como os skaa são explorados.

“Parecia um contraste tão impossível. A agradável nobreza, dançando dentro de um salão que cintilava com as luzes e os vestidos. E a morte no pátio. Não se importavam? Não sabiam?”

Vin é uma protagonista adolescente um pouco diferente daquelas que geralmente eu vejo nos livros (e odeio). Tendo passado por uma infância muito difícil e sendo muito explorada pelo seu irmão e pelos membros da gangue anterior, ela mais ouve do que fala, presta bastante atenção, dá ideias inteligentes e bem pensadas. Apesar de ser uma pessoa mais quieta e bastante insegura, ela faz aquilo que é ordenado com eficiência.

Geralmente quando um adolescente descobre que tem super poderes, ele vê um workshop de 3 minutos com slideshow e já sai abalando geral. Mas em Mistborn, ao longo do treinamento com Kelsier e outros membros da gangue, e apesar de Vin se desenvolver muito bem como Nascida das Brumas, achei que isso foi feito de uma forma melhor.

Vários os personagens falam que ela parece ser mais poderosa do que o normal, porém entre os capítulos com passagens de semanas a meses, deixa um pouco mais crível esse desenvolvimento da personagem.

O relacionamento de Vin com os outros membros da gangue e com Kelsier são muito importantes para a própria personagem. Isso vai crescendo junto da própria história e das tarefas que têm que ser cumpridas por todos eles para que o plano no final de certo.

A estória de Mistborn é bem desenvolvida e bem construída. Apesar de ser uma fantasia e ter alguns nomes esquisitos, não teve nada que atrapalhou demais a leitura. O livro é narrado em terceira pessoa, porém os capítulos variam mais do ponto de vista entre Vin e Kelsier.

Além desse tipo clichê de jornada do herói, existem mais alguns outros, mas que não me irritaram tanto assim. Por conta do roteiro já formulado, não tive surpresas muito grandes, daquelas que geralmente me fazem devorar o livro freneticamente, porém não foi em quantidade que deixou a leitura ficar cansativa ou com falta absoluta de surpresas. Os personagens são bastante carismáticos, tanto os principais quanto os secundários, e fiquei na torcida para que o plano deles desse certo.

Mesmo sendo uma trilogia, o primeiro livro de Mistborn tem um final que pode-se chamar de fechado, não dando aquela ânsia enlouquecida de começar o próximo livro. Porém os últimos capítulos não digo que me deixaram com uma pulga atrás da orelha, mas com carrapato gigante. Então em breve vou desembalar o segundo livro (que também está estacionado na minha estante) para desinfetar completamente essa dúvida e descobrir realmente um grande mistério que foi criado.

Por fim, Mistborn é uma fantasia muito fácil, rápida e legal de ler. As partes de ação são fáceis de acompanhar, bem escritas e bastante emocionantes. Apesar de seguir um certo roteiro pré formatado, ainda tem a capacidade de surpreender ao mesmo tempo que pode ser uma fantasia confortável para quem gosta de coisas do gênero e uma boa pedida para quem está começando a explorar esse tipo de leitura.

Espero que os próximos livros consigam manter a qualidade e me surpreender ainda mais!

Se interessou pelo livro? Você pode estar adquirindo ele aqui.

Aqui é a Liv do Resenhas Caóticas, e se você quer acompanhar mais as minhas leituras, me siga no Instagram @ResenhasCaoticas. Obrigada e até a próxima.


Gostou desse conteúdo? Então nos ajude a manter o site vivo entrando para o Odisseia Club. Seja um apoiador da Odisseia e acompanhe tudo sobre filmes, séries, games, músicas e muito mais.

Livia Salzani

Saiba quais filmes estreiam na Netflix em julho de 2020

Previous article

Pesquisa Game Brasil | 69,8% das mulheres no Brasil jogam jogos eletrônicos

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Livros e HQs