0

Neste Dia dos Pais, separamos aqueles que consideramos os melhores da ficção e que são verdadeiros exemplos a serem seguidos


No dia das mães, fizemos uma lista de “mães nada exemplares” do audiovisual, muito por conta da quebra do esteriótipo que paira sobre a maioria das matriarcas, tidos como seres perfeitos e amorosos. Por um momento, a ideia original deste post era fazer uma lista de péssimos pais também, sejam eles ausentes, abusivos ou desprezíveis, mas: que esteriótipo estaríamos quebrando?

A piada do pai que vai comprar cigarro e não volta mais, por incrível que pareça, não se aplica a todas essas figuras de autoridade em nossa vida. O caso recente de Thammy na campanha da Natura, gerou o ódio de boa parte da onda conservadora, mas também evidenciou o amor que vários bons pais tem por seus filhos. Ok, eles não fazem mais que sua obrigação dando suporte emocional e financeiro as suas proles, mas vamos combinar que é bacana quando um pai foge desse tropo ruim.

Sem mais delongas, vamos a nossa lista dos melhores pais do cinema e da TV. Tem comédia, drama, super-herói, enfim, só não tem pais de pet, desculpa:

20º) Beto Pêra/Sr. Incrível | Filme: Os Incríveis 1 e 2

pais

Literalmente um super-herói, Beto Pêra ou Senhor Incrível sempre foi um pai exemplar e no segundo filme mais ainda, já que se tornou dono de casa. Enquanto Helena saiu para salvar o mundo, o pai se tornou o cuidador permanente da família Pêra. Fazendo o seu melhor para cuidar de três crianças em diferentes fases da juventude, seus métodos podem não ser dos melhores, mas ninguém pode dizer que este senhor não é um dos melhores pais de todos.

19º) Guido | Filme: A Vida é Bela

Apesar desse filme e deste personagem não ser particularmente um dos meus favoritos, reconheço a importância de Guido, e sua incansável luta para diminuir os horrores da guerra para o filho. A Vida é Bela é um sucesso mundial, ganhou vários Oscars, entre eles o de melhor ator (Benigni), filme estrangeiro e trilha sonora, além de ser indicado em mais quatro categorias da premiação.

18º) Ben | Filme: Ligeiramente Grávidos

pais

Este ser que vos fala ama Seth Rogen, e um de seus personagens mais maduros não poderia ficar de fora, além da história ser natural a vários pais de primeira viagem e gravidez não planejada. Após dormirem juntos por uma noite, Alison (Heigl) e Ben (Seth Rogen) se vêem em uma saia justa: ela está grávida. Extremamente diferentes, os dois precisam aprender a lidar um com o outro, enquanto se acostumam com a ideia de serem pais.

Ben, que está desempregado e passa os dias à toa, não tem muita confiança em sua capacidade como pai, e sua insegurança acaba tomando conta de suas ações. Ligeiramente Grávidos mostra a trajetória de um homem que não tinha plano algum de se tornar pai, mas que vestiu a camisa, e usou o tempo da gravidez para se preparar e se tornar o melhor pai que seu neném poderia ter.

17º) Sonny Koufax | Filme: O Paizão

 

Sonny não é bem o pai ideal. Na verdade, ele é o oposto disso: preguiçoso nos estudos e no trabalho, ele tem a ideia de adotar uma criança para impressionar a nova namorada e “provar” que é um homem maduro. A tarefa não é fácil, mas vamos dar uma colher de chá: ele se esforça bastante e é o Adam Sandler né!

16º) Mufasa | Filme: O Rei Leão

pais

Apesar da breve relação entre Simba e o pai, Mufasa é um daqueles paizões que nos fazem sorrir em diversas cenas. Ele fez de tudo para preparar o filho Simba para os perigos do mundo. Mas apesar de ser um líder rigoroso, Mufasa teve vários momentos carinhosos com o filho. O sacrifício que ele faz para salvar o filhote também reflete o que qualquer pai faria por seu filho e com certeza é um dos pais mais clássicos do cinema.

15º) Charlie | Filme: A Creche do Papai

Em “A Creche do Papai”, Charlie (Eddie Murphy) e Phil (Jeff Garlin) não têm mais condições de pagar pela creche de seus filhos quando ficam desempregados. Sem opções, eles decidem abrir uma escola na casa de Charlie. Sem formação como professores ou cuidadores, os dois conseguem fazer o negócio prosperar, cuidando de diversas crianças das redondezas, já que a creche tem um preço acessível e as crianças se divertem. Não só a empreitada dá certo, como os dois pais passam mais tempo com seus filhos, criando uma conexão que não existia quando estavam fora de casa durante a maior parte do tempo.

14º) Chris Gardner | Filme: À Procura da Felicidade

pais

Chris Gardner é para muitos o modelo de pai a ser seguido. Ele enfrentou o abandono da mulher e uma difícil situação financeira para sustentar o filho e, ao mesmo tempo, manter um estágio onde não recebia um tostão sequer. Tudo por acreditar no sonho de uma vida melhor no futuro. Um filme tocante que, para muita gente, é uma lição de vida. Pelo papel Will Smith recebeu sua segunda indicação ao Oscar de melhor ator.

13º) Lincoln Hawk | Filme: Falcão – O Campeão dos Campeões

pais

Os pais solteiros são, certamente, os que mais se esforçam para agradar os filhos. Depois da morte da esposa, que vivia separada dele com o filho, Lincoln Hawk tenta ganhar a admiração do seu novo parceiro entrando num torneio de queda de braço. Um dos pais mais hardcore do cinema.

12º) Mitchell e Cam | Série: Modern Family

Em Modern Family há um exemplo duplo de uma paternidade incrível: Mitchell e Cam se tornaram pais de Lilly em 2011, quando a atriz Aubrey Anderson-Emmons ainda era bem pequena. Desde então, a série mostra como os dois realizaram o sonho de ser pais, errando, acertando e, principalmente, aprendendo muito com a filha. E como não amar quando Cam fantasiava Lily ainda bebê? Simplesmente incríveis.

11º) Philip Banks | Série: Um Maluco do Pedaço

Sim, o Tio Phil (James Avery) era mais conhecido como tio, mas além de ser pai de Carlton, Ashley e Hilary, ele também foi um grande pai para Will. Quando o sobrinho chegou em sua casa, Phil demorou para se acostumar com o jeito brincalhão de Will, mas logo percebeu que o jovem precisava de uma figura paterna em sua vida. Em um dos momentos mais emocionantes do seriado, Will é deixado de lado novamente pelo pai e quem está ali ao seu lado é o Tio Phil.

10º) Marlin | Filme: Procurando Nemo

pais

Uma lista dos melhores pais do cinema não poderia ficar sem “Procurando Nemo”! Afinal de contas, Marlin cruzou o mar aberto para resgatar o filho, que acabou capturado por um mergulhador em um breve descuido do pai super-protetor. Foi o suficiente para que ambos vivessem a maior aventura de suas vidas e, de quebra, aprendessem algumas lições sobre o relacionamento entre pai e filho.

9º) Brian Mills | Filme: Busca Implacável

Se você fosse sequestrado(a), o que o seu pai faria? Sem dúvida iria caçar os sequestradores e se vingar, não é mesmo? Bom, pelo menos é isso o que o ex-agente da CIA Bryan Mills (Liam Neeson) faz quando sua filha é sequestrada em uma viagem a Paris. E mais uma trezentas vezes, até ultrapassando outros filmes. Um dos pais mais badass ever.

8º) Ben | Capitão Fantástico

pais

Interpretado por Viggo Mortensen, Ben é um homem simples que cria seus filhos com uma rígida rotina de treinamento físico e educação. O objetivo dele é que as crianças se tornem adultos completos, sem a intervenção dos desejos de consumo do mundo moderno. Como todo pai, Ben comete erros, mas seu comprometimento com os filhos e sua forma de ensinar a vida para eles é tocante.

7º) Jack Pearson | Série: This is Us

A lista de pais não seria a mesma sem Jack Pearson, interpretado por Milo Ventimiglia. Ao lado de Rebecca, Jack criou seus três filhos e transformou cada um deles em pessoas incríveis. Ao mostrar a história dos irmãos, This is Us ressalta como eles levam os ensinamentos de Jack para a vida e para suas próprias famílias. Jack não era um pai perfeito, mas até no momentos mais difíceis ele esteve ao lado de Kate, Kevin e Randall.

6º) Daniel Hillard | Filme: Uma Babá Quase Perfeita

pais

Clássico da Sessão da Tarde com Robin Williams, o filme mostra como Daniel, depois de se divorciar e passar a ver menos os filhos, tem a ideia de se fantasiar de uma simpática babá. Dessa forma, ele se aproxima das crianças e também se torna um pai melhor no caminho.

5º) Klaus Mikaelson | Série: The Originals

Quem diria que aquele homem capaz de matar 12 híbridos com uma espada ao som de músicas natalinas seria um bom pai, não é mesmo? Klaus, personagem de Joseph Morgan comete erros, mas é capaz de qualquer sacrifício para garantir a segurança e felicidade de Hope.

4º) Jim Hopper | Série: Stranger Things

pais

Pai é quem cuida. A grande prova fica em Jim Hopper (David Harbour), que já tinha sido carinhoso com sua saudosa filha biológica, mas ainda decide adotar Eleven (Millie Bobby Brown) num momento de perigo. Claro que seu jeito teimoso causa brigas, mas ele sempre está com arma em punho, pronto para ajudar a jovem poderosa a salvar o dia

3º) Randall Pearson | Série: This is Us

É impossível falar de Randall sem destacar sua família de comercial de margarina, com uma esposa que é tão boa mãe quanto ele é pai e três lindas filhas por quem fazem tudo. Arrisco dizer que Randall é um pai ainda melhor que seu pai, Jack. Com um exemplo tão bom, quis ser ainda melhor, mais amoroso e altruísta, e é. O que não o impede de cometer alguns erros, a maioria deles por excesso de cuidado.

Mesmo com jornadas de trabalho extensas e um cargo importante, lida com graciosidade com as questões que vêm das filhas. Inclusive, deixa bem claro que são prioridade e que larga o que tiver que largar por elas.

2º) Michael Kyle | Série: Eu, a Patroa e as Crianças

pais

Debochado, bem-humorado e exigente, Michael é um exemplo de pai moderno. Na sua cartilha de educação de filhos, entram lições sobre pregar peças nas crianças, chantagem, espionagem e desafios malucos, mas tudo isso é para atingir um objetivo nobre: ajudar Junior, Claire e Kady a atingir todo o sucesso na vida, sem nunca perder a graça. Medalha de prata para um dos melhores pais, Michael Kyle!

1º) Julius | Série: Todo Mundo Odeia o Chris

Julius está sempre duro, mas não nega nada que Tonya lhe pede. Já Chris e Drew não dobram o pai com tanta facilidade, mas podem sempre contar com o apoio do pai nas horas difíceis, mesmo que isso signifique apoiar a decisão de Chris de largar a escola – desde que não interrompam as horas mais sagradas do dia, em que Julius tira uma soneca entre os turnos de seus dois empregos.


Acha que faltou algum ou alguns pais na lista? Deixe nos comentários!

Gostou desse conteúdo? Então nos ajude a manter o site vivo entrando para o Odisseia Club. Seja um apoiador da Odisseia e acompanhe tudo sobre filmes, séries, games, músicas e muito mais.

Tiago Cinéfilo
Estudante de Comunicação e editor deste site. Criador, podcaster e editor do "Eu Não Acredito em Nada", o podcast de terror da Odisseia.

Uma Família de Dois | Conheça o filme francês exibido na Globo

Previous article

O Maior Assalto | Conheça a série da Netflix nos moldes de La Casa de Papel

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Especial