LoveStar | Resenha do livro de Andri Snaer Magnason

LoveStar | Resenha do livro de Andri Snaer Magnason 1

LoveStar é um livro cheio de estranhezas mas é preciso ler com uma mente aberta. Leia nossa Resenha:


  • Título: LoveStar
  • Autor: Andri Snær Magnason
  • Ano: 2002
  • Edição: 2018
  • Editora: Morro Branco
  • Páginas: 331
  • Gênero: Ficção Científica / Romance

Amor e felicidade comprovados cientificamente.

Lovestar é um livro distópico
Foto: Reprodução Editora Morro Branco

Sobre o livro Lovestar

Algumas distopias são criadas para mostrar ideias de sociedade futuristas onde alguma coisa foi “exagerada” e fazer uma crítica a isso. No caso de Admirável Mundo Novo foi o consumo, no de 1984 e Jogos Vorazes, um governo autoritário, no de Conto da Aia, um governo com base forte na religião, e no caso de LoveStar, a força das redes sociais como aliadas do consumo.

Porém, enquanto nos outros romances citados sempre temos um ou uma protagonista que é uma vítima dessa sociedade e tenta lutar contra o sistema, em LoveStar o autor islandês Andri Snær Magnason fez uma sociedade tão extremamente entranhada em sua cultura social, tecnológica e consumista, que os próprios personagens sofrem com o sistema, mas não o questionam. 

Admirável Mundo Novo também é um livro que mostra a sociedade vivendo para o consumo, porém de uma forma não naturalmente condicionada para ele: os personagens sofrem hipnose desde a mais tenra idade para que se encaixe na sociedade, com muitas repetições ao longo de suas vidas. Com muito humor ácido, LoveStar apresenta uma trama onde as pessoas tem famílias, amigos, relacionamentos amorosos — que aliás, é a trama principal do livro — porém não precisam de hipnose, uma vez que o hábito do uso de tecnologia e implantes para que seus cérebros acessem diretamente a internet, está incrustado na sociedade.

A distopia apresentada em LoveStar chega a ser bizarra e desconcertante de tanto que Magnason se aprofundou nela. Os implantes, que não são muito explicados, acessam diretamente as redes sociais, então as pessoas não usam celulares e telas para isso, tudo aparece diante dos olhos no momento que o personagem pensa em acessar. Então por vezes as pessoas parecem estar olhando pro nada, mas estão apenas olhando o instagram de alguém, lendo uma notícia ou comprando alguma coisa. 


+++ Admirável Mundo Novo: 90 anos depois a obra continua atual

Lovestar e o consumismo

Em relação ao consumismo, no livro existe uma profissão chamada pregoeiro, são pessoas que são pagas, ou que se endividaram e são obrigadas a fazer esse trabalho para pagar suas dívidas, para fazer anúncios, aos berros, em espaços públicos. LoveStar também trás uma evolução dos influencers: pessoas que tem boa aparência e são em geral mais bem relacionadas que os outros, e por isso, são pagas para influenciar os outros, porém secretamente, de forma que nem a própria família e amigos ficam sabendo que estão sendo influenciadas por essas pessoas.

Nem todos os pregoeiros eram gente falida. Muitos estavam simplesmente a procura de descontos ou vantagens, e outros só se tornavam pregoeiros nos três primeiros meses do ano para pagar a atualização mais recente do sistema operacional sem fio.

É um livro que explora tanto o uso da tecnologia para o consumo que chega a ser desconcertante, mostra que o autor foi muito a fundo na ideia, que muitas vezes deixava a leitura confusa. Mas, ao mesmo tempo, tras várias críticas e questionamentos à sociedade atual, pois tudo o que ele apresentava era um pouco assustador por parecer que seria um avanço tecnológico ao que usamos atualmente. E esses avanços são desenvolvidos pelo cientista cuja empresa se tornou praticamente uma monopolizadora dessas tecnologias, quem dá nome ao livro, o próprio LoveStar.

LoveStar é um cientista que logo cedo em sua carreira passou a criar esses avanços junto de campanhas publicitárias para consumo, sua empresa é a maior do mundo e é quem dita as normas da moda, do que deve ser lido, vestido, ingerido e até de novos animais de estimação geneticamente modificados. Também criou em alguns anos um programa, que basicamente seleciona pessoas como almas gêmeas, o inLove. Elas podem estar em qualquer lugar do mundo onde já foram cadastradas. E é aí que começa o principal plot da história.

Todos sabiam que não compensava comprometer demais sua vida com alguém antes que chegasse a carta oficial da inLove.

Nos países onde o inLove já é atuante, as pessoas geralmente tem relacionamentos com outras antes de serem selecionados para outras pessoas, mas geralmente não tentam se apegar aos atuais amantes, deixando a relação mais voltada para o sexo. Porém o casal Indridi e Sigrid são inseparáveis desde o dia em que se conheceram, ainda na adolescência. São as metades da laranja, a tampa e a panela, tão perfeitos um para o outro que são melosos demais na minha opinião (alguém pode achar fofo). Ou citando o próprio livro:

[…] juntos eles eram tão completos e verdadeiros quanto um círculo.

Mas, um belo dia, chega uma carta informando que Sigrid foi selecionada como alma gêmea de outro homem, e o relacionamento perfeito dos dois passa a desmoronar.


+++ Devoradores de Estrelas: Conheça o lançamento do autor de Perdido em Marte

LoveStar | Resenha do livro de Andri Snaer Magnason 2
Foto: Reprodução Editora Morro Branco

O que achamos do livro Lovestar?

Esse é o plot principal, porém o livro intercala capítulos entre o drama vivido pelo casal e o próprio LoveStar, que se encontra dentro de um avião, com alguma coisa misteriosa na mão, indo fazer algo misterioso, cujo mistério apenas se revela no final da trama. Porém é uma parte muito interessante, onde acompanhamos as memórias do cientista, mostrando suas ideias e o desenvolvimento da empresa e de suas tecnologias.

Liberte quem você ama.

O próprio LoveStar, o cientista trilionário, dono da empresa e que praticamente manda no planeta, que em qualquer livro normal seria o grande vilão, acaba aqui se tornando o personagem que faz mais questionamentos acerca do mundo ao seu redor e dor problemas que ele mesmo causou, mas que se tornou refém de sua própria mente e vontade de criar. A culpa do mundo ser como é, é dele, não se exclui, mas enquanto a população segue sempre encantada com o que ele faz, ele mesmo questiona seus limites.

A trama principal, com o casal, mostra mais profundamente como as tecnologias se apresentam nas pessoas, de modo a controlar a vida desde a concepção à morte das pessoas. LoveStar, o livro, traz muitos elementos que dão um ar bizarro ao livro, uma grande estranheza, mas também questionador. Não só de como as tecnologias desse futuro são usadas pelas pessoas, como para a nossa vida também já aceitamos tantas como normais que podemos acabar mesmo aceitando algumas coisas no futuro.

A vida é como um clarão na noite – e a escuridão que recebia a morte não era vazia.

Já normalizamos pedir comida, transporte, encontrar pares pelos aplicativos de celular. Passamos o último ano fazendo vídeo chamadas para conversar com quem está longe, para a segurança deles e da nossa. Atividades que antes eram impensáveis de se fazer online cotidianamente se tornaram normais para o dia a dia. O novo normal está cada vez mais se tornando apenas normal. E o que há por vir depois?

LoveStar | Resenha do livro de Andri Snaer Magnason 3
Foto: Reprodução Editora Morro Branco

O livro Lovestar é bom?

A tecnologia mostrada em LoveStar está ai para facilitar a vida das pessoas a ponto de não precisarmos mais fazer algumas escolhas fundamentais, como onde seria o melhor lugar para morar, qual nosso parceiro ou parceira ideal, o que vamos comer no almoço…e quando vemos alguns apps de streamings de filmes, séries e música acertando em cheio em sugestões baseados no que já consumimos antes, não é um pouco assustador?

De um lado, a infelicidade era alimentada pelo arrependimento, do outro, pelo medo do futuro. Quanto mais a escolha de possibilidades se multiplicasse, mas complicada e difícil a vida se tornava.

LoveStar é um livro cheio de estranhezas e bizarrices, algumas tristes, algumas até engraçadas, algumas “rindo, mas de nervoso”, porém é um livro interessantíssimo para se ler com uma mente aberta.

Se você se interessou por LoveStar, pode estar adquirindo o ebook ou versão física aqui.

Aqui é a Liv do Resenhas Caóticas, e se você quer acompanhar mais as minhas leituras, me siga no Instagram @ResenhasCaoticas. Obrigada e até a próxima.
Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post
JJ+E | Filme sueco na Netflix vai te conquistar 6

JJ+E | Filme sueco na Netflix vai te conquistar

Next Post
Lucifer 6ª temporada | Todas as teorias da nova temporada da série na Netflix 7

Lucifer 6ª temporada | Todas as teorias da nova temporada da série na Netflix

Related Posts