0

Para surpresa de quase todo mundo, o Oscar 2020 quebrou a barreira da legenda e transformou Parasita no grande vencedor da noite!


Parasita foi o grande vencedor do Oscar 2020. Na noite de gala em Los Angeles, a produção sul-coreana faturou quatro estatuetas incluindo Melhor Diretor e Melhor Filme!

O longa fez história. Pela primeira vez na história, o prêmio principal do Oscar consagrou um filme de língua não-inglesa. Bong Joon Ho, diretor de Parasita, estava incrédulo e a grata surpresa consagrou definitivamente o filme como um dos principais longas da história.

Muita gente não apostava, mas guardava certo carinho com a categoria de Melhor Filme para Parasita. Mas a confirmação de fato ferrou muito bolão por aí. Seu concorrente, 1917, dirigido com Sam Mendes, acabou levando os prêmios de Fotografia, Mixagem de Som e Efeitos Visuais.

Era Uma Vez em… Hollywood, Coringa e Ford vs Ferrari também faturaram duas estatuetas cada.

 

Atrações Musicais

Oscar 2020

Todo ano, um dos destaques da cerimônia fica por conta das apresentações musicais. E no Oscar 2020 não foi diferente…

Logo no início, Janelle Monáe referencia o aclamado Midsommar em sua apresentação. As referências nos figurinos e na coreografia eram uma clara homenagem ao longa de Ari Aster.

Além das tradicionais músicas indicadas à Melhor Canção Original, o Oscar 2020 também teve performances de Eminem e Billie Eilish.

O rapper chegou de surpresa e cantou seu clássico “Lose Yourself”, música que ganhadora do Oscar lá em 2003. Naquela ocasião, Eminem foi impedido de cantar a música pois havia muitos palavrões. Parece que o Oscar mudou um pouquinho.

Já Billie Eilish, cantora americana de 18 anos, apresentou uma versão bem melancólica de “Yesterday”, dos Beatles, em tributo aos profissionais da indústria de cinema que morreram em 2019.

Melhor Filme

Ford vs Ferrari

O Irlandês

Jojo Rabbit

Coringa

Adoráveis Mulheres

História de um Casamento

“1917”

Era Uma Vez em… Hollywood

Parasita

 

Melhor Diretor

Martin Scorsese (“O Irlandês”)

Todd Phillips (“Coringa”)

Sam Mendes (“1917”)

Quentin Tarantino (“Era Uma Vez em… Hollywood”)

Bong Joon-ho (“Parasita”)

 

Melhor Ator

Antonio Banderas (“Dor e Glória”)

Leonardo DiCaprio (“Era Uma Vez em… Hollywood”)

Adam Driver (“História de um Casamento”)

Joaquin Phoenix (“Coringa”)

Jonathan Pryce (“Dois Papas”)

 

Melhor Atriz

Cynthia Erivo (“Harriet”)

Scarlett Johansson (“História de um Casamento”)

Saoirse Ronan (“Adoráveis Mulheres”)

Charlize Theron (“O Escândalo”)

Renée Zellweger (“Judy”)

 

Melhor Atriz Coadjuvante

Kathy Bates (“Richard Jewell”)

Laura Dern (“História de um Casamento”)

Scarlett Johansson (“Jojo Rabbit”)

Florence Pugh (“Adoráveis Mulheres”)

Margot Robbie (“O Escândalo”)

 

Melhor Ator Coadjuvante

Tom Hanks (“Um Lindo Dia na Vizinhança”)

Anthony Hopkins (“Dois Papas”)

Al Pacino (“O Irlandês”)

Joe Pesci (“O Irlandês”)

Brad Pitt (“Era Uma Vez em… Hollywood”)

 

Melhor Roteiro Original

Entre Facas e Segredos

“História de um Casamento”

“1917”

“Era Uma Vez em… Hollywood”

“Parasita”

 

Melhor Roteiro Adaptado

“O Irlandês”

“Jojo Rabbit”

“Coringa”

“Adoráveis Mulheres”

“Dois Papas”

 

Melhor Filme Internacional

“Corpus Christi” (Polônia)

“Honeyland” (Macedônia)

“Les Misérables” (França)

“Dor e Glória” (Espanha)

“Parasita” (Coréia do Sul)

 

Melhor Documentário

“Indústria Americana”

“The Cave”

Democracia em Vertigem

“For Sama”

“Honeyland”

 

Melhor Animação

Como Treinar Seu Dragão 3

“Perdi Meu Corpo”

“Klaus”

Link Perdido

Toy Story 4

 

Melhor Fotografia

“O Irlandês”

“Coringa”

O Farol

“1917”

“Era Uma Vez em… Hollywood”

 

Melhor Montagem

“Ford vs Ferrari”

“O Irlandês”

“Jojo Rabbit”

“Coringa”

“Parasita”

 

Melhor Trilha Sonora

“Coringa”

“Adoráveis Mulheres”

“História de um Casamento”

“1917”

Star Wars: A Ascensão Skywalker

 

Melhor Canção Original

“I Can’t Let You Throw Yourself Away” (“Toy Story 4”)

“(I’m Gonna) Love Me Again” (“Rocketman”)

“I’m Standing With You” (“Breakthrough”)

“Into the Unknown” (“Frozen 2”)

“Stand Up” (“Harriet”)

 

Melhor Design de Produção

“O Irlandês”

“Jojo Rabbit”

“1917”

“Era Uma Vez em… Hollywood”

“Parasita”

 

Melhor Figurino

“O Irlandês”

“Jojo Rabbit”

“Coringa”

“Adoráveis Mulheres”

“Era Uma Vez em… Hollywood”

 

Melhor Maquiagem e Penteados

“O Escândalo”

“Coringa”

“Judy”

“Malévola: Dona do Mal”

“1917”

 

Melhor Edição de Som

“Ford vs Ferrari”

“Coringa”

“1917”

“Era Uma Vez em… Hollywood”

“Star Wars: A Ascensão Skywalker”

 

Melhor Mixagem de Som

“Ad Astra”

“Ford vs Ferrari”

“Coringa”

“1917”

“Era Uma Vez em… Hollywood”

 

Melhores Efeitos Visuais

Vingadores: Ultimato

“O Irlandês”

O Rei Leão

“1917”

“Star Wars: A Ascensão Skywalker”

 

Melhor Curta-Metragem

“Brotherhood”

“Nefta Football Club”

“The Neighbours’ Window”

“Saria”

“A Sister”

 

Melhor Animação em Curta-Metragem

“Dcera (Daughter)”

“Hair Love”

“Kitbull”

“Memorable”

“Sister”

 

Melhor Documentário em Curta-Metragem

“In the Absence”

“Learning to Skateboard in a Warzone (If You’re a Girl)”

“Life Overtakes Me”

“St. Louis Superman”

“Walk Run Cha-Cha”

Os curtas documentais do Oscar 2020

Previous article

Entre Realidades é o filme mais perturbado da Netflix

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Especial