Eu Não Acredito Em Nada – Stories #02 | Christiane F. Drogada e Possuída

stories

A saga para contar novas histórias de terror sem rir continua, em mais um episódio do Stories!


Ouça no Spotify | Ouça no Apple Podcasts | Ouça no Deezer | Ouça no Google Podcasts | Assine nosso feed  |  Baixe o cast


ESTÁ NO AR a nova edição do Eu Não Acredito em Nada Stories!

Hoje, vamos ler algumas histórias macabras enviadas por nossos ouvintes que envolvem arrepios inesperados, possível possessão na escola, e um pai nosso “rezado” de forma errada. Claro, com aquele humor peculiar de sempre.
Nessa segunda edição, Tiago Cinéfilo, Will Weber e Felipe Hoffmann, analisam se vale a pena mandar seu relato, mesmo que a gente não leve a sério. Ficou curioso? Vem ouvir!
Eu Não Acredito Em Nada - Stories #02 | Christiane F. Drogada e Possuída 1
Foto: Reprodução

 

Envie sua história em nossas redes sociais (@aodisseia) ou no nosso e-mail: [email protected]

 

Inscreva-se no nosso canal do youtube!

 

Quem participou desse cast:

Bancada| Tiago Cinéfilo: @tiagocinefilo , Felipe Hoffmann: @HoffmanFelipe e Will Weber: willrweber


Edição: Tiago Cinéfilo: @tiagocinefilo


ARTE DA VITRINE | Felipe Hoffmann: @HoffmanFelipe

Eu Não Acredito Em Nada - Stories #02 | Christiane F. Drogada e Possuída 2
Foto: Reprodução

Conteúdos relacionados em A Odisseia:

Escute a primeira edição do stories!

Quem é o maior vilão do terror?

Ouça o Cenoide, o podcast dos nossos amigos do Geek Guia:

CENOIDE 001 | A Narrativa Silenciosa de Um Lugar Silencioso


CONHEÇA A ODISSEIA CLUB – Nosso Clube de Assinatura

Eu Não Acredito Em Nada - Stories #02 | Christiane F. Drogada e Possuída 3

Esses são os apoiadores que ajudam a manter nosso site de pé:

Obrigado a todos vocês <3 
Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post
El Bronx | Conheça a série colombiana que estreia no Globoplay 7

El Bronx | Conheça a série colombiana que estreia no Globoplay

Next Post
venom

Venom: Tempo de Carnificina – Crítica | Não se mexe em time que está ganhando

Related Posts