AODISSEIA
Especial

Especial Oscar 2015: Indicados Oficiais


15 de janeiro de 2015 - 14:00 - Flávio Pizzol

Finalmente chegou o dia da indicação ao Oscar 2015. Para quem acompanha as especulações desde o início, esse ano parecia estar fácil de chutar, mas – felizmente ou infelizmente – algumas surpresas surgiram e roubaram lugares de favoritos. Confira abaixo os oficiais e vejam se o quanto eu acertei aqui:

Melhor filme

  • Sniper Americano
  • Birdman
  • Boyhood
  • O Grande Hotel Budapeste
  • O Jogo da Imitação
  • Selma
  • A Teoria de Tudo
  • Whiplash: Em Busca da Perfeição

Surpresa: Sniper Americano não era um dos favoritos, mas corria por fora e ganhou força na última semana.

Melhor diretor

  • Alejandro González Inárritu – Birdman
  • Richard Linklater – Boyhood
  • Bennett Miller – Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo
  • Wes Anderson – O Grande Hotel Budapeste
  • Morten Tyldum – O Jogo da Imitação

Surpresas: Morten Tyldum tinha poucas chances, mas vinha sendo comentado. Entretanto, eu pouco ouvi falar sobre Bennett Miller. E os dois tiraram as possíveis vagas de David Fincher e Clint Eastwood.

Melhor atriz

  • Marion Cotillard – Dois Dias, Uma Noite
  • Felicity Jones – A Teoria de Tudo
  • Julianne Moore – Para Sempre Alice
  • Rosamund Pike – Garota Exemplar
  • Reese Witherspoon – Livre

Surpresa: Nenhuma surpresa

Melhor ator

  • Steve Carell – Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo
  • Benedict Cumberbatch – O Jogo da Imitação
  • Michael Keaton – Birdman
  • Eddie Redmayne – A Teoria de Tudo
  • Bradley Cooper – Sniper Americano

Surpresa: Bradley Cooper conseguiu roubar a vaga de última hora.

Melhor ator coadjuvante

  • Robert Duvall – O Juiz
  • Ethan Hawke – Boyhood
  • Edward Norton – Birdman
  • Mark Ruffalo – Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo
  • J.K. Simmons – Whiplash: Em Busca da Perfeição

Surpresa: Todos eram apostas certas.

Melhor atriz coadjuvante

  • Patricia Arquette – Boyhood
  • Laura Dern – Livre
  • Keira Knightley – O Jogo da Imitação
  • Meryl Streep – Caminhos da Floresta
  • Emma Stone – Birdman

Surpresa: Meryl Streep vinha sendo pouco comentada, mas sua força e grandeza fazem com que ela não seja uma surpresa tão grande.

Melhor canção original

  • “Everything is Awesome” – Uma Aventura LEGO
  • “Glory” – Selma
  • “Grateful” – Beyond the Lights
  • “I’m Not Going to Miss You” – Glen Campbell: I’ll Be Me
  • “Lost Stars” – Mesmo Se Nada Der Certo

Surpresas: Essa é uma daquelas categorias com muita opção, então as possibilidades são muitas e só duas eram apostas certas para mim.

Melhor roteiro adaptado

  • Sniper Americano
  • O Jogo da Imitação
  • Vício Inerente
  • A Teoria de Tudo
  • Whiplash: Em Busca da Perfeição

Surpresa: De novo, Sniper Americano, que conseguiu realmente algumas boas indicações no estilo mineiro.

Melhor roteiro original

  • Birdman
  • Boyhood
  • Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo
  • O Grande Hotel Budapeste
  • O Abutre

Surpresa: Sem algo muito diferente do esperado.

Melhor longa de animação

  • Operação Big Hero
  • Os Boxtrolls
  • Como Treinar o Seu Dragão 2
  • Song of the Sea
  • O Conto da Princesa Kaguya

Surpresa: E esse Song of the Sea, que eu nem sei o que é, roubando vagas de favoritos.

Melhor documentário em longa-metragem

  • Citizenfour
  • Vietnã: Batendo em Retirada
  • Virunga
  • A Fotografia Oculta de Vivian Maier
  • O Sal da Terra

Surpresa: Essa é uma das categorias que não acompanham tanto, então não sei se algum surpreendeu. Entretanto, fiquei muito feliz de ver algo relacionado ao Brasil na lista.

Melhor longa estrangeiro

  • Ida (Polônia)
  • Leviatã (Rússia)
  • Tangerines (Estônia)
  • Timbuktu (Mauritânia)
  • Relatos Selvagens (Argentina)

Surpresas: As surpresas vieram da Mauritânia e da Estônia.

Melhor fotografia

  • Birdman
  • O Grande Hotel Budapeste
  • Ida
  • Mr. Turner
  • Invencível

Surpresa: Olha um dos estrangeiros papando uma vaga aqui.

Melhor figurino

  • O Grande Hotel Budapeste
  • Vício Inerente
  • Caminhos da Floresta
  • Malévola
  • Mr. Turner

Surpresa: Sem surpresas confirmadas pela produção.

Melhor documentário em curta-metragem

  • Crisis Hotline
  • Joanna
  • Our Curse
  • The Reaper
  • White Earth

Surpresa: É outra categoria difícil de acompanhar apostas e de balancear surpresas.

Melhor montagem

  • Sniper Americano
  • Boyhood
  • O Grande Hotel Budapeste
  • O Jogo da Imitação
  • Whiplash: Em Busca da Perfeição

Surpresa: Aqui a surpresa ficou por conta de quem não entrou, mas todos os indicados eram pelo menos possíveis.

Melhor maquiagem e cabelo

  • Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo
  • O Grande Hotel Budapeste
  • Guardiões da Galáxia

Surpresa: O Grande Hotel Budapeste era o menos comentado, mas tem sua vaga merecida.

Melhor trilha sonora

  • O Grande Hotel Budapeste
  • O Jogo da Imitação
  • Interestelar
  • Mr. Turner
  • A Teoria de Tudo

Surpresas: Grande Hotel e Mr.Turner eram pouco comentados nessa categoria.

Melhor design de produção

  • O Grande Hotel Budapeste
  • O Jogo da Imitação
  • Interestelar
  • Caminhos da Floresta
  • Mr. Turner

Surpresa: Mr.Turner tinha força nas categorias técnicas, mas não era esperado nessa.

Melhor animação em curta-metragem

  • The Bigger Picture
  • The Dam Keeper
  • Feast
  • Me and My Moulton
  • A Single Life

Surpresa: Espero para ver todos depois da indicação e não acompanho as apostas.

Melhor curta-metragem

  • Aya
  • Boogaloo and Graham
  • Butter Lamp
  • Parvaneh
  • The Phone Call

Surpresa: Mesma situação dos curtas animados.

Melhor edição de som

  • Sniper Americano
  • Birdman
  • O Hobbit – A Batalha dos Cinco Exércitos
  • Interestelar
  • Invencível

Surpresa: Raramente chuto nessas categorias e por isso acabo acompanhando menos.

Melhor mixagem de som

  • Sniper Americano
  • Interestelar
  • Invencível
  • O Hobbit – A Batalha dos Cinco Exércitos
  • Birdman

Surpresa: A situação se repete mais uma vez.

Melhores efeitos visuais

  • Capitão América 2 – O Soldado Invernal
  • Guardiões da Galáxia
  • Planeta dos Macacos 2 – O Confronto
  • Interestelar
  • X-Men – Dias de Um Futuro Esquecido

Surpresa: Muitos candidatos bons apareceram esse ano, mas X-Men quase nunca era um candidato esperado.