0

Dia do Sim estreou fazendo sucesso na plataforma de streaming da Netflix e deu aquela pontinha de clássico da comédia familiar.

Jennifer Garner cada vez mais vai se firmando em um estilo de filme que se encaixa muito bem e entrega em Dia do Sim outra boa diversão com um comfort movie clássico.

A Netflix divulgou 16 curiosidades sobre os bastidores do filme e nos deu uma pontinha de vontade de viver tudo aquilo também. Olha só:

Muito sorvete!

Mais de 40 GALÕES de sorvete foram consumidos durante o desafio Gut Buster, que levou um total de três dias ser filmado. O Sorvete feito especialmente sem leite e com baixo teor de açúcar, para garantir que ninguém ficasse doente durante as filmagens de Dia Do sim

No entanto, Garner e Édgar Ramírez ainda acabaram comendo a maior parte do sorvete, em média uma colher por tomada. “Houve tantos cérebros congelados”, disse Garner. Pra Ramírez, era um sonho de infância que se tornava realidade: “Lembro de ter crescido quando era criança na Venezuela e vendo este comercial onde uma criança disfarçada de adulto vai ao restaurante e pede sorvete, termina e pede mais de novo e de novo. Essa era minha fantasia quando criança! Quando li o roteiro pela primeira vez, e descobri que meu personagem seria aquele que come mais sorvete, não conseguia acreditar”.


+++ Dia do Sim: Todo destaque de Jennifer Garner em novo filme da Netflix

Foto: Divulgação Netflix

Água de verdade

A equipe de design de produção limpou um lava-rápido de verdade e trouxe seu próprio sabonete para bebês, rodos feitos de esteiras de ioga e um tanque de 4.000 galões de água para a cena da lavagem com janela aberta.

A água, embora limpa e segura para o set, também estava bastante fria. As reações capturadas no filme são 100% genuínas.


Jogos inventados

Kablowey, um jogo de balão de água que é uma mistura de pique bandeira com paintball, não existe na vida real! O jogo foi inventado pelos cineastas. A cena foi filmada em uma semana em um parque em Altadena, CA.

OsAtletas (incluindo ginastas e especialistas em parkour) e dublês foram trazidos como extras, não apenas para garantir que eles pudessem lidar com todos os balões de água repetidamente, mas que os balões de água também atingiriam seus alvos com precisão sempre que Miguel Arteta precisava de um tiro específico.

Mais de 55L de água nos balões foram usados para a cena.


Medo de Montanha Russa

Jennifer Garner tem pavor de montanhas-russas na vida real e incorporou o personagem desde a primeira vez que ela montou o Twisted Colossus para uma cena da Magic Mountain em Dia do Sim.

Ela estava com tanto medo, na verdade, que chamou Jenna Ortega por seu nome verdadeiro em vez de “Katie” e segurou a mão de Ortega com força e enfiou o anel em seus dedos.

Garner não poderia ter sido uma atriz melhor já que ela acabou tendo que fazer outra tomada logo depois e rodou uma terceira vez porque Julian Lerner queria andar com ela.


+++ Filhos de Istambul: Conheça o filme turco que estreia na Netflix


Músicas de verdade

Jennifer Garner aprendeu a tocar ukulele em sua performance de “Baby, I Need Your Loving” no FleekFest.


Outros filmes, novas parcerias

Miguel Arteta viu Edgar Ramírez pela primeira vez em Joy ao lado de Jennifer Lawrence e disse que o ator seria ótimo em uma comédia algum dia. Ele ficou encantado quando Ramírez disse que estava pronto para interpretar Carlos Torres em Dia do Sim, que por sinal foi o primeiro papel cômico de sua carreira.


Irmãos. Muitos irmãos!

Jenna Ortega vem de uma família numerosa e ajuda a cuidar dos irmãos mais novos, um papel que também naturalmente ajudou no set com Julian Lerner e Everly Carganilla.


Julian Lerner conhecia o Dia do Sim

Julian Lerner já era fã de Dia do Sim quando foi escalada para o elenco do filme, porque sua tia já havia apresentado o livro.


Atriz de Youtube

Os cineastas descobriram Every Carganilla pela primeira vez após assistirem suas piadas no YouTube. Miguel Arteta a descreve como o “Templo Latino da Shirley”.


Nat Faxon foi mais que uma participação especial em Dia do Sim

O personagem de Nat Faxon foi originalmente planejado para aparecer em apenas uma cena em Dia do Sim, mas o ator, diretor e roteirista vencedor do Oscar disse que foi tão hilário que os cineastas o convidaram de volta para mais duas cenas, que foram totalmente improvisadas na hora.


Dia Do Sim é o filme estrelado por Jennifer Garner que estreia na Netflix

Foto: Divulgação Netflix

Dublês das antigas

Shauna Duggins, que atua como coordenadora de dublês do filme, foi dublê de Garner há 20 anos, desde a primeira temporada de Alias.

Em 2018, ela se tornou a primeira coordenadora de dublê  feminina a ganhar um Emmy. Desde então, ela ganhou outas duas estatuetas por seu trabalho em GLOW.

Mais música!

Na época, Jenna Ortega foi escalada para o papel de Katie Torres, o ato musical do FleekFest ainda não tinha sido definido em Dia do Sim. Quando mais tarde ela descobriu que os cineastas contrataram H.E.R., Ortega ficou maluca.

“Eu tinha uma lista de reprodução de R&B na época e literalmente as primeiras 10 músicas eram H.E.R.! Cantar e atuar com H.E.R. foi um sonho se tornado realidade”, disse.

O desempenho também marca a primeira participação de H.E.R em um filme.

A Nerd Party

300 galões com uma solução de espuma não tóxica foram usados para as cenas da Nerd Party em Dia do Sim. Tiveram que contratar 8 pessoas da equipe SFX para limpar a espuma após cada tomada e o interior da casa da família Torres  foi completamente destruído no final dos três dias de filmagem.


+++ Silenciadas: Filme espanhol baseado em uma história real chega à Netflix

Referências amarelas!

O amarelo é usados em todo o filme por vários motivos:

  • A casa dos Torres é amarela, por exemplo, porque a filha de Garner, Seraphina adora casas amarelas.
  • Um Guarda Chuva amarelo foi usado na festa nerd como referência à autora Amy Krouse Rosenthal.
  •  No final de seu curta-metragem no YouTube, 17 Things I Made,
    Rosenthal chamou todo mundo para conhecer a Bean Sculpture no Millennium de Chicago, com uma dica: Estacione no dia 08/08/08 às 20h08 para fazerem uma 18ª coisa juntos, e que eles poderiam encontrá-la com um guarda-chuva amarelo.
  • Centenas de pessoas compareceram (uma multidão 10 vezes maior que Rosenthal previa). Um guarda-chuva amarelo agora serve como logotipo para The Amy Krouse Fundação Rosenthal.

Ajuda à uma instituição de caridade

A Fundação Amy Krouse Rosenthal fez parceria com Save the Children e Netflix para levar 75.000 livros para crianças carentes.

Foto: Divulgação Netflix

Dia do Sim está disponível na Netflix

 

Comments

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

More in Filmes