AODISSEIA
Games

Os games pra você curtir em 2016

7 de janeiro de 2016 - 11:00 - felipehoffmann

2015 foi um ano muito bom para os games. Excelentes títulos vieram a tona e rechearam o ano de surpresas, mas agora estamos em 2016 e com as devidas ondas puladas, vamos ao que nos aguarda no universo dos jogos.

Horizon: Zero Dawn – Sem data de lançamento

Faltava mais dinossauros nos video games mas Horizon: Zero Dawn dá um jeito nisso, nos colocando num mundo recheado de criaturas pré-históricas futurísticas num mundo pós-apocalíptico das cavernas (WHAT?). Parece um pouco estranho, mas os caras da Guerrilla Games dão um jeito nisso com um game de ação e sobrevivência que trás muita força aos exclusivos do PS4.

Mighty No. 9 – Março

Já faz tempo que Keiji Inafune não trabalha pra Capcom, mas isso não é motivo para não termos um novo Mega Man. Claro, não é aquele Mega Man que estamos acostumados, nem mesmo o nome é igual, porém um processo de crowdfunded deu início à Mighty No. 9, sucessor espiritual da série, com tudo que estamos acostumados, desde robôs, pulos e tiros super carregados.

The Last Guardian – Sem data de lançamento

Sim! Uma das maiores surpresas da E32015, The Last Guardian foi anunciado em 2009, para PS3, porém o jogo entrou em stand by e, depois de muita gente pedir, ele deu as caras novamente. Um menino e um cachorro/rato/pássaro enfrentam puzzles em uma terra desconhecida.

No Man’s Sky – Junho

No Man’s Sky surpreende por mostrar toda a capacidade da atual geração, com a promessa de ser o maior game já feito. Seu universo é expansivo e gerado aleatoriamente para os jogadores, de modo que dificilmente dois players distintos estarão visitando o mesmo lugar, simultaneamente. Serão mais de 18 quintilhões de mundos(!) um diferente do outro e, principalmente para os fãs de sci-fi, isso é de dar água na boca.

Dishonored 2 – Sem data de lançamento

15 anos após os acontecimentos de Dishonered, a sequência volta, com cenários belíssimos que combinam estilos clássicos e futuristas pela cidade de Karnaka. Tudo isso uma forma muito singular, que promete render boas jogatinas.

Homefront: The Revolution – Segundo trimestre

Os Estados Unidos foram invadidos pela Coreia do Norte. E agora, José? Aqui você precisa controlar um guerrilheiro americano na missão de retomar o poder de seu país. Homefront é um jogo de mundo aberto, recheado de missões paralelas, desenvolvido pela Dambuster Studios.

Far Cry: Primal – 23 de Fevereiro

A Ubisoft dá sequência ao título te enfurnando na Idade da Pedra. Em Far Cry: Primal, você terá de enfrentar tigres-dentes-de-sabre e caçar mamutes da maneira mais primitiva possível. Que tal tentar sobreviver sendo a base da cadeia alimentar?

ReCore- Junho

Keiji Inafune nos presenteia com um exclusivo que promete dar mais força ao XOne. ReCore é um misterioso sci-fi onde o que resta dos humanos e o que sobra dos robôs convivem em um mundo carregado de mistérios.

Ratchet & Clank- 12 de abril

Um jogo do PS2 totalmente modificado para a atual geração, Ratchet & Clank voltam após 14 anos do seu último título ao melhor estilo Crash Bandicoot. É como aquela mulher que envelhece e depois de mais de uma década quer dar uma repaginada no visual. O resultado ficou magnífico.

Dead Island 2 – Sem data de lançamento

Dead Island 2 é a continuação do popular título da Yager. Inicialmente o game foi apresentado na E32014 porém os desenvolvedores atrasaram sua entrada no mercado, alegando um desejo de elevar a franquia “a um próximo nível”. Vamos ver se valeu a pena…

Cup Head – Sem data de lançamento

Essa sem dúvida é uma aposta que não foi feita antes. Uma ode aos desenhos da década de 30, carregada ao som do mais puro jazz. Aqui você pode jogar co-op ou single player, o importante é a diversão. Desenvolvido pelo Studio MDHR, o jogo nem estreou mas já carrega o peso de ser um dos melhores indies do ano.

Unravel – Sem data de lançamento

Um puzzle game side scrolling de um bonequinho de lã que por onde passa deixa sua linha. Desenvolvido pela Coldwood Interactive, com supervisão da EA, o jogo promete ser no mínimo diferente. Quase sem falas, onde a beleza está nos cenários, na trilha sonora e nos puzzles para resolver.

The Legend of Zelda Wii U – Sem data de lançamento

A Big N está cercando de mistérios seu novo título, sendo que houve atrasos e pouco foi visto até agora. Contudo a previsão é de lançamento ainda esse ano com ma incrível degustação de um mundo aberto, dando ao jogador a capacidade de explorar cada detalhe do novo game.

Batman: A Telltale Games Series – Sem data de lançamento

A Telltale tem uma forma bem característica de fazer seus joguinhos: liberando-os em episódios. E não será diferente com Batman. A fórmula da empresa é bem famosa e se levarmos em consideração títulos como TWD, GOT e The Wolf Among Us, sabemos que vem coisa boa por aí.

Mafia III – Sem data de lançamento

A 2K Games dá sequência ao seu famoso título, seis anos após Mafia II. O jogo se passa no fim da década de 60, numa versão interpretativa de New Orleans. Muito sangue, ação, jazz e persistência parecem ser a marca de Mafia III.

Hitman – 11 de março

Depois de um tempinho a Square Enix volta com Hitman. Dessa vez um prequel, porém com a mesma intensidade e liberdade no que diz respeito a como você prefere fazer seu trabalho. A produtora deu uma pausa, respirou a franquia e volta com um título muito forte pra 2016.

Firewatch – 09 de fevereiro

Firewatch é desenvolvido pela Campo Santo e deu as caras na E3 do ano passado. Exclusivo para PS4 e PC, o game trás em sua essência a arte com uma mistura de aventura e exploração dentro de uma floresta muito bem elaborada e carregada de mistérios.

Deus Ex: Mankind Divided – 23 de agosto

A nova sequência de Deus Ex não muda muito sua fórmula, então espere por muito stealth, combates e interrogatórios à base da porrada. Só que isso tudo vem em uma escala muito maior, com muito mais liberdade, escolhendo a fórmula que você achar melhor para resolver os probleminhas do dia a dia.

Mirror’s Edge Catalyst – 24 de maio

Mirror’s Edge foi anunciado pela primeira vez na E32014 e finalmente ganhou uma data de lançamento. Catalyst mistura uma visão em primeira pessoa e combates com muitos elementos do parkour . Outro ponto para se atentar é que temos mais uma mulher protagonista no mundo gamer, sem apelar para sua sexualização.

Tom Clancy’s The Division – 08 de março

Desenvolvido pela Ubisoft, Tom Clancy talvez tenha perdido um pouco do seu hype pelos inúmeros multiplayers divulgados até aqui. Mas isso não impede que seja um belíssimo MMO que mistura táticas minuciosas e modos de combate bem ativos.

Uncharted 4: A Thief’s End – 26 de abril

Três anos após o lançamento de sua última aventura, Nathan Drake volta de um longo período em retiro, posteriores aos acontecimentos de Uncharted 3. Um clima bem cinematográfico, ao melhor estilo Naughty Dog marca o novo game da série, que promete ser um dos melhores exclusivos do PS4 esse ano.

Street Fighter 5 – março

O próximo Street Fighter parece ser uma mistura de novos elementos com os antigos. No game, temos o retorno de personagens muito queridos como Dhalsim, Zangief e Vega, além de novos jogáveis como a lutadora brazuca Laura e o combatente arábico Rashid.

Quantum Break – 5 de abril

Quantum Break vem para bater de frente com Uncharted, sendo o exclusivo do XOne. O jogo chega às prateleiras depois de severos atrasos – só pra lembrar, ele foi anunciado lá em 2013.

Divinity: Original Sin 2 – dezembro

A campanha no Kickstarter para o game planejava arrecadar U$500mil. Essa meta foi batida em 12 horas e em pouco mais de um mês, Divinity: Original Sin 2 arrecadou 4x a mais do valor que foi pedido. A primeira versão do jogo recebeu mais de 150 indicações para jogo do ano, isso faz com que sua sequência precise ser ao menos tão estrondosa quanto foi a primeira.

Dark Souls 3 – Sem data de lançamento

A série Souls lembra um pouco da atmosfera gótica de Bloodborne, porém as coisas por aqui voltam ao normal em Abril. A famosa série da FromSoftware carrega sua conhecida brutalidade, porém agora com mais criaturas sinistras e um pouco mais de terror.

DOOM – Sem data de lançamento

Muitos atrasos. Muitos problemas no reboot. Mas finalmente DOOM está chegando. O jogo foi anunciado em 2008 e passou por sérios problemas de desenvolvimento, até que finalmente, na E3 do ano passado ele foi anunciado. Não sabemos muito sobre o retorno da famosa série, porém temos certeza que demônios, armas, armas demoníacas, sangue e sangue demoníaco vão saltar na nossa tela.

Dreams – Sem data de lançamento

Dreams é o mais novo jogo da Media Molecule e promete ser a experiência mais surreal game do PS4. A empresa te dá as cartas para você soltar a imaginação. Temos poucos detalhes e mecânicas do título, mas é possível perceber que vamos fazer coisas que jamais vimos em um game dessa geração.

Final Fantasy XV – Sem data de lançamento

O jogo começou a ser desenvolvido em 2006 e agora, 10 anos depois, ele está pronto a ser lançado. Final Fantasy é uma série muito aclamada, que passou por várias gerações com títulos icônicos e desembarca no PS4 e XOne com um visual totalmente adaptado à geração e uma história que promete ser surpreendente.

Gears of War 4 – Primeiro semestre de 2016

Desenvolvido pela The Coalition, o trailer foi ridiculamente aplaudido na E3 do ano passado. O exclusivo da Microsoft vai trazer a melhor experiência em terceira pessoa, segundo a empresa, e promete ser um dos jogos mais vendidos para o XBox One desse ano.