AODISSEIA
Especial

Odisseia na CCXP: A arrebatadora Sony

A produtora enxergou na CCXP uma excelente oportunidade de divulgação das suas novas produções

9 de dezembro de 2017 - 23:14 - felipehoffmann

Definitivamente a Sony mudou o patamar da Comic Con Experience em 2017. A produtora enxergou na CCXP uma excelente oportunidade de divulgação de seus filmes e aproveitou a chance para entupir os fãs de conteúdo inédito.

A Sony conseguiu gerar uma expectativa enorme quando anunciou a participação de Nick Jonas no evento. O ex-membro, mas não ex-irmão dos Jonas, está no elenco do esperado Jumanji: Bem-Vindo à Selva, e foi para o palco conversar um pouquinho sobre o filme. Nick deu detalhes das gravações e de quebra anunciou um vídeo exclusivo do restante do elenco, gravado para o público brasileiro.  Jumanji conta com o musculoso The Rock, Karen Gillan, Kevin Hart e o sempre fabuloso Jack Black no elenco.

Só que o que se viu no auditório na tarde desse sábado foi muito mais que uma atração internacional.

 

 

A sala Cinemark veio abaixo mesmo quando um link via satélite, direto das gravações de Venon, apareceu no telão. O longa está sendo gravado em Atlanta e só chega aos cinemas só em 2018. Ruben Fleischer e Tom Hardy, diretor e protagonista respectivamente, disseram que o filme terá uma dose generosa de ação e humor negro. Tom disse ainda que estava pronto para vir à CCXP, mas as condições climáticas nos EUA impediram a decolagem ainda maior da Sony aqui no Brasil. Para não deixar a galera na mão, foi distribuído uma camisa com a hashtag #WeAreVenon para o pessoal. Logo após, um bandeirão enorme com o logo do filme foi estendido no auditório, deixando tudo com cara de torcida em estádio de futebol.

Além de Venon, foi liberado um teaser inédito de Homem Aranha com Miles Morales. A Sony mostrou que é possível expandir o Spiderverse de uma maneira digna, pelo menos a princípio. O visual do novo aranha mistura elementos 2D com 3D. Essa estética dá um ganho no visual da animação, além de prestar claras homenagens aos quadrinhos.

 

 

Houve também uma entrevista com Lin Shaye para o filme de terror Sobrenatural. Foi exibida uma cena exclusiva, com um clima bem assustador. Figurantes entraram enquanto o auditório estava escuro e se encarregaram de assustar as pessoas junto do vídeo. Na cena, Lin está em uma espécie de tubulação e encontra algumas caixas. Assustada, ela abre uma a uma até que na última, claro, aparece um DEMÔNIO gritando. Teve gente no auditório dando pulos e gritos com o susto que tomou.

A Sony também apresentou novidades sobre Hotel Transilvânia 3 e ALFA, um filme que se passa 20.000 A.C. Pelo visual da produção e pela direção de Albert Hughes (O Livro de Eli) tem tudo pra ser um grande filme.

O painel da produtora foi um dos melhores da CCXP. A Sony soube tratar muito bem os fãs brasileiros e proporcionou uma apresentação digna do slogan da feira. Teve muito dinheiro gasto ali, mas o retorno vai ser na mão do investimento que fizeram para esse ano. Que painel, pessoas!