AODISSEIA
Músicas

Música: OutroEu, Pagan John e Suricato

Dicas musicais no grau!

28 de setembro de 2017 - 10:12 - Flávio Pizzol

 

Nos últimos meses, eu tenho feito o exercício de escutar cantores e bandas – nacionais e internacionais – de pouco renome, buscando apenas conhecer novas sonoridades. A brincadeira me apresentou alguns nomes (a maioria independentes) que mereciam ser escutados com mais frequência nas playlists da vida. É a partir da vontade de divulgar esses músicos que surgiram alguns dos posts que vão sair daqui pra frente. Espero que o som mexa com vocês e vamos começar com três indicações que participaram do programa Superstar, da Globo.

 

OutroEu

 

Idealizada em Nova Iguaçu, a banda OutroEu ganhou repercussão nacional ao levar músicas autorais e uma sonoridade que mistura o folk americano com outras referências bastante brasileiras, que vão desde o forró pé-de-serra até Los Hermanos, para o palco do programa global. Seu primeiro CD foi lançado pelo selo Slap, da Som Livre, e se destaca pelas composições Caisa de Casa, Zade e Pai, a participação especial de Sandy em Ai de Mim e a ótima releitura de Dona Cila (lançada originalmente por Maria Gadú).

 

 

Pagan John

 

Com uma pegada de estilo relativamente parecida com a OutroEu, a banda Pagan John se destaca por aproveitar ainda mais as influências internacionais, incluindo versos em inglês entre suas principais composições. A sonoridade que lembra uma mistura inesperada de Beatles, Bob Dylan e Caetano Veloso – sem contar os violinos presentes no álbum ao vivo – possui algo de original que mexeu comigo. Para ser um pouco mais pontual, vou indicar os dois últimos álbuns (um EP com jeitinho acústico e o tal Ao Vivo no Ibirapuera) e destacar as canções Carta, Inesperado e Meu Cais, além da incrível releitura de Sina.

 

 

Suricato

 

Participante da primeira edição do programa citado, a Suricato conquistou minha atenção desde sua primeira aparição, graças a mistura de instrumentos – da viola caipira ao Didgeridoo – e a musicalidade perfeita. Liderada por Rodrigo Suricato (ex-guitarrista de Lulu Santos e atual vocalista do Barão Vermelho) e uma nova formação para 2017, a banda transita entre o folk, o rock e o indie com tamanha tranquilidade que já foi convidada pra participar tanto do Rock in Rio, quanto do Lollapalooza. O álbum indicado foi lançado logo após o Superstar e venceu – com justiça – o Grammy de Melhor Álbum de Rock em Língua Portuguesa.