AODISSEIA
Fique de Olho

Fique de Olho: Jack Reynor

16 de março de 2016 - 11:00 - Flávio Pizzol

Talvez você já tenha visto o nome do nosso alvo dessa semana nos explosivos créditos de Transformers 4 – A Era da Extinção, mas sua carreira não é restrita a isso. Talvez você já tenha guardado uma péssima imagem depois de assistir o filme dos robôs alienígenas, mas pode saber que Jack Reynor merece um pouquinho da sua atuação.

O ator de apenas 24 anos nasceu nos EUA, no entanto foi criado na Irlanda, onde sua mãe atua como defensora dos direitos humanos. Foi lá que ele começou a se interessar pela carreira artística e participou de Country, seu primeiro longa-metragem. De lá pra cá, ele participou de muitos curtas e filmes independentes, com destaque para o premiado What Richard Did, que foi dirigido pelo indicado ao Oscar e merecedor de um texto aqui, Lenny Abrahamson.

Jack-Reynor-in-Glassland

Apesar dos prêmios alcançados no filme acima e da pinta de galã adolescente, a carreira de Reynor só foi decolar em 2014, quando ele participou de dois filmes com maior alcance: Transformers 4 e De Repente Pai. Não são filmes bons, mas foram o suficiente para dar um pequeno impulso na carreira do moço, que já deu as caras em Macbeth – Ambição e Guerra e está escalado para mais cinco produções nos próximos dois anos.

Nessa lista promissora temos Sing Street (o novo e elogiado filme de John Carney), The Secret Scripture (dirigido pela lenda Jim Sheridan), HHhH (filme sobre a Segunda GUerra Mundial, estrelado por Rosamund Pike), Free Fire (onde vai dividir cena com Brie Larson, Cillian Murphy, Armie Hammer, Sharlto Copley e Sam Riley) e, por fim, Jungle Book: Origins (nova adaptação da história de Mogli que será dirigida por Andy Serkis e estrelada por Christian Bale, Cate BLanchett e Benedict Cumberbatch). Eu acho que isso é o suficiente para esperar bons momentos de Jack Reynor.