AODISSEIA
Coluna Vertebral

Coluna Vertebral #01

30 de Janeiro de 2015 - 12:49 - felipehoffmann

Fala galera, como fui apresentado, sou o mais novo integrante do Odisseia. Me chamo Ricardo e a partir de agora sou o dono dessa coluna. Não abordarei  muito assuntos técnicos nas colunas, apenas escreverei sobre filmes e séries que eu curto assistir. Começa agora o Coluna Vertebral.

S2A-Cartaz

Arrow voltou na semana passada e seu retorno trouxe uma responsabilidade grande para os personagens coadjuvantes.

No último episódio, Felicity, Diggle e Roy supriram bem a falta de Oliver. Laurel pela primeira vez apareceu como Canário Negro (ainda acho que ela não substituirá Sarah no mesmo nível…). E fica cada vez mais claro que Ray Palmer surgirá no cenário dos vigilantes, acredito que no começo como um pequeno desafeto do Oliver.

A segunda metade da temporada Arrow promete bastante emoção. Temos o retorno de Oliver, uma possível briga interna na liga dos assassinos e a Thea se tornando algo maior do que apenas a filha de Malcon Merlyn (as duas últimas são apostas pessoais), mantendo a série em alto nível.

argo

Se alguém um dia perguntar qual filme tem o final mais eletrizante, minha resposta seria Argo. A construção do longa é algo que te puxa para você terminar de vê-lo. No começo é algo chato, sem sal, mas a obra surpreende em seu clímax. Ben Affleck tratou com fidelidade o momento histórico e a trilha sonora faz uma boa colcha para as cenas. Todas as premiações que Argo recebeu foram merecidas.

STALKER-POSTER

Kevin williamson ataca novamente! O diretor e roteirista que já vinha alcançando grande sucesso enquanto estava no comando de The Following, vem mantendo seu padrão de qualidade na nova empreitada.

Stalker se passa em Los Angeles onde acompanhamos o departamento de polícia que cuida de casos de perseguições. Na série, vemos o dia a dia da tenente Beth Davis (Maggie Q) e o detetive Jack Larsen (Dylan McDermott) resolvendo os casos mais exóticos de perseguição, seja sexual, voyeurismo ou virtual. A cada episódio descobrimos mais sobre o passado dos personagens, entendendo como eles chegaram aonde estão.

Outro ponto positivo e a trilha sonora, que tem versões de Creep, do grupo Radiohead, e Every breath you take, da banda The Police.

Stalker é um suspense que te prende e faz pensar se você não comete alguma perseguição ou se alvo de um stalker. Merece ser visto.

Aliás, quem é esse atrás de você?